Home » Palavra do Presidente

Palavra do Presidente

Mais mulheres protagonistas na vida pública

“É preciso um basta ao desrespeito e à discriminação, em razão de ser mulher.”

 “Garantir a participação plena efetiva da mulher para cargos de liderança, em todos os níveis de tomada de decisão, além de adotar e fortalecer políticas sólidas e legislação aplicável para a promoção da igualdade e do empoderamento feminino.” Essa é uma premissa amplamente divulgada pelas organizações não governamentais sobre a efetiva participação da mulher.

O fato é que as mulheres são a maioria do voto brasileiro, representado mais de 50%. Mas poucas se lançam nas disputas eleitorais. Apesar da presença de lideranças políticas femininas que mudaram a história, ainda é um desafio de toda a sociedade incentivar o protagonismo de mais mulheres na vida pública.

Isso não é apenas uma questão de poder. A igualdade entre homens e mulheres nos parlamentos, por exemplo, reflete no ambiente doméstico e no setor privado. Sociedades com grande participação das mulheres na política, em outros países, mostram que elas conseguiram um equilíbrio entre a vida profissional, a pessoal e a pública, e com que suas ideias sejam ouvidas e aceitas pela população.

No dia a dia, é preciso um basta ao desrespeito e à discriminação, em razão de ser mulher. O papel das instituições é contribuir para que as ações de representatividade tenham alcance social, firmando a democracia e favorecendo o desenvolvimento do país.

A imposição de cotas limita o interesse pela política. A mulher é livre para se candidatar ao cargo eletivo que desejar. Valorizar sua participação é reconhecer sua importante presença nos cenários de mudanças fundamentais para uma nação. Mulher na política não é cota, é necessidade.

 

GILBERTO ABRAMO
Presidente do PRB Minas Gerais

 

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados com *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Voltar para o topo